quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

O Diferencial das Marcas e do Marketing no Mercado Acionário

Hoje vou falar de um dos critérios que considero mais importantes na escolha da minha carteira de longo prazo, o valor das marcas e de como elas podem fazer toda diferença na composição da carteira e vou usar como exemplo a AMBEV.

A AMBEV hoje tem 3 das 10 marcas mais valiosas do Brasil e praticamente dominam o mercado de cerveja no País, tem progandas fantasticas e estão presentes na maioria dos comerciais das TVs, revistas, em grande eventos e isso acaba entrando na cabeça do consumidor e pode acreditar isso vai fazer diferença lá na frente quando vc estiver entrando como sócio.

http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/as-25-marcas-mais-valiosas-do-brasil-em-2012

As ações da AMBV3 tiveram valorização média de 2009 até dezembro de 2012 de 56% e pode acreditar que uma marca forte ajuda muito nisso, agora imagine 3 marcas fortes como é o caso dessa empresa? 

No Livro de Peter Lynch, o Jeito de Investir de Peter Lynch, ele comenta que devemos observar os produtos e ver como se comportam perante a sociedade e através do makerting e da publicidade podemos observar isso e principalmente nas ruas, observem as caixas de cerveja nas ruas, os bares cheios, as festas, as caixas de cerveja e notem a marca AMBEV ou mesmo uma dessas 3 marcas citadas acima.

Não adianta postar formulas milagrosas, complexas e todos os numeros mais bonitos e equações, o SIMPLES e o VISÍVEL nas ruas através do consumo pode nos dizer muito mais para qual caminho seguir, por isso o caminho  mais simples pode ser o mais INTELIGENTE no longo prazo.

Quanto mais a empresa investe em propaganda e marketing, seja através de comerciais ou franquias como é o caso da Alpargatas com as Havaianas, isso vai ter um impacto positivo juntos aos consumidores porque em um ambiente competitivo como é o empresarial, não adianta ser bonito tem que parecer bonito e ganhar espaço na mente dos consumidores e a midia é o caminho para que essas empresas tenham sucesso.

Um dos maiores genios da atualidade que aplica essa teoria na pratica é o austriaco Dietrich Mateschitz, dono e criador da Red Bull, transcrevo a seguir os conceitos de Mateschitz que inaugurou um novo capítulo na história do marketing empresarial. "O marketing é a nossa principal matéria-prima, sem esquecer o produto, que é a pré-condição.", refere o empresário. Devido à sua vasta experiência na área de marketing e aos estudos realizados no World Trade Institute, Mateschitz conseguiu tornar realidade o seu sonho de conquistar a Europa e os EUA. "O poder da publicidade é muito mais forte do que as promoções a longo prazo", afirma. A Red Bull reserva cerca de 35% de seu facturamento para investimentos em marketing, o qual se caracteriza por ser muito inovador, criativo e agressivo. A marca do logotipo do touro vermelho, surgiu com o posicionamento "Red Bull revitaliza o corpo e a mente" e o famoso slogan "Red Bull dá-te asaaaas"!. Os jovens e o esporte foram os símbolos eleitos pela marca para caracterizar a sua imagem e veiculá-la em campanhas de marketing. Como nesses dois grandes universos se encontram perfis diferentes de consumidores, os assessores de marketing de Mateschitz sugeriram-lhe concentrar-se nos esportes radicais e nos jovens que se identificam com riscos e desafios. A ideia demonstrou ser uma combinação perfeita, a marca transmite um estilo de vida.

Bem pessoal espero que tenham curtido o artigo porque como o grande Mateschitz, levo o investimento em marketing nas empresas que sou sócio como fator diferencial para escolha e manutenção para o Longo Prazo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário