segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Crise

Certamente estamos vivendo a pior crise dos últimos 20 anos e obviamente não sabemos qual vai ser o final desse cenário mas como demonstra a história, toda crise tem um fim e como podemos aproveitar essa situação como investidor?

Psicologicamente vivenciar toda turbulência não é tarefa das mais fáceis e vemos muita gente realizando todos os prejuízos a exemplo do que ocorreu em 2008 mas talvez essa crise tenha uma duração maior. Observamos que o país vem perdendo credibilidade ano após anos, seja por queda de investimento internacional, seja por queda nos rating das agências, crise no setor elétrico, corrupção e falta de governabilidade. 

Juntando todas essas situações temos uma tempestade perfeita e a saída de investidores do país em massa, até porquê grandes fundos internacionais só podem investir em determinado país, se este possuir ao menos notas que o qualifiquem como de não grau especulativo e demoramos anos para ganhar essas notas e pouco tempo para perder e quanto tempo vamos levar para recuperar essa posição?

O que pretendo fazer nesse cenário é continuar minha estratégia e focar em empresas que me gerem renda passiva e aumentar minha posição nas empresas que eu considero que atendam minhas exigências de governança, lucratividade e dividendo. 

O ideal nesse momento é avaliar com cuidado todos os cenários macroeconômicos e politico pois ao meu ver a valorização das empresas vai ser condicionada a esses fatores, ainda mais porquê estamos em uma posição especulativa e tem o lado pesado bem negativo mas em todas crises e caos é onde podemos aproveitar para continuar ou repensar nossas estratégias. 

5 comentários:

  1. Daqui um tempo ninguém tá falando mais de crise. Agora é o momento em que o mercado separa os homens dos meninos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tô com o Uó!

      Todas as simulações que fazemos de investimento em ações em longo prazo consideram um período curto ou prolongado de "bear market" ... este é o momento, mas o desespero é tanto que é difícil acreditar que uma hora a coisa vai melhorar.

      Só o tempo dirá, mas haja estômago!

      Abraços

      Excluir
    2. Eu ainda acho que essa crise ainda vai durar bastante tempo e pode parecer ruim de um ponto de vista para a maioria mas abre oportunidades interessantes para comprarmos parte de empresa que tenham lucros constantes, pagam dividendos e marcas consolidadas no mercado. Tem empresas que com menos de dois anos de lucros anuais já valem o valor da empresa, além do Patrimônio e a tendência com todas as quedas é que a maioria dos investidores se assustem bastante e se desfaçam de suas posições e isso deve acelerar ainda mais as quedas de empresas interessantes.

      Excluir
    3. Na minha lista de monitoramento de ações onde defino um target bacana de compra apenas 3 ações estão abaixo de 10% em relaão ao target, a maioria está acima de 15%. Então considero que uma queda de mais 15% no IBOV já é motivo para soltar rojões, ainda tem muita empresa com gordura pra queimar nos preços, principalmente as queridinhas. Os preços de maio/junho/julho do ano passado estavam irreais, naquela época não comprei nada, só vendi. Agora já dei inicio aos meus aportes. Um exemplo é CIELO, já comprei um pouquinho mas nos 29 vai ficar uma delicia. Abaixo disto então nem se fala...

      Excluir
  2. A verdade é que o Brasil é um vai e vem gigante, cresce uns anos depois despenca novamente. Tem que se acostumar com isso ou pular fora :)

    ps. te adicionei la na minah lista de blogs

    ResponderExcluir